Trabalhadores e trabalhadoras do vestuário definem principais reivindicações para Campanha Salarial

Garantia de direitos frente à reforma trabalhista, reajuste salarial e conquista de novos benefícios são os principais pontos

Uma assembleia realizada na sede do Sindicato, na última sexta-feira, 31, encerrou a primeira etapa da Campanha Salarial 2019. Nas visitas diárias, rodas de conversa e assembleias realizadas nos locais de trabalho foram discutidos a importância dessa Campanha Salarial e construída uma pauta de reivindicações que garante e amplia direitos. A pauta será protocolada junto ao sindicato patronal e as primeiras negociações deverão acontecer ainda no mês de junho. A data-base dos trabalhadores e trabalhadoras nas indústrias do vestuário de Sorocaba e região é 1.º de julho. “Agora vem a etapa das negociações e a categoria precisa estar unida e mobilizada”, destacou Paula Proença, presidenta do sindicato.

A assembleia decidiu pela manutenção de todas as cláusulas da atual Convenção Coletiva e ampliação dos benefícios. Participação nos Lucros e Resultados (PLR), vale transporte gratuito e melhorias na cesta básica farão parte das reivindicações desse ano.

Salários

Além da reposição integral da inflação acumulada nos últimos 12 meses, os trabalhadores e trabalhadores reivindicam aumento real nos salários. “Foi uma pauta amplamente debatida nos locais de trabalho. Sabemos que nenhuma das reivindicações são impossíveis de serem atendidas pelas empresas e esperamos uma boa negociação”, argumentou Proença.