Com "casa cheia", Seminário debate atuação jurídica dos sindicatos

Atividade foi promovida pelo Sindicato do Vestuário de Sorocaba, em parceria com o Ministério Público do trabalho e contou com participação de juristas e sindicalistas de toda a região

No último dia 12, o Sindicato promoveu o Seminário Jurídico Sindical com o tema "Tutela Coletiva e Atuação dos Sindicatos. Com mais de 200 participantes, a atividade realizada em parceria com o Ministério Público do Trabalho e a Comissão Sindical da OAB, debateu a atuação jurídica das entidades sindicais frente à garantia de direitos e combate à precarização das relações de trabalho possibilitada pela reforma trabalhista.

Paula Proença, presidenta do Sindicato ressaltou que foi instaurado um clima de vale-tudo, impulsionado por declarações e propostas de Bolsonaro e de sua equipe e pela onda de retirada de direitos promovida pela reforma trabalhista. “Agora, tanto o governo, quanto os patrões, se sentem livres e protegidos pela opinião pública para cometerem práticas antissindicais e desrespeitarem a Constituição e os direitos, tantos os que estão sob proteção da Lei, quanto aqueles que são garantidos por meio da negociação coletiva. O produto final dessa política será a destruição da ação sindical, da negociação coletiva, dos direitos da classe trabalhadora, da aposentadoria e da Previdência Social. Na mira do atual governo também estão a Justiça do Trabalho e o Ministério Público do Trabalho", ressaltou a sindicalista.

Ação sindical é alvo do novo governo

Uma das questões debatidas no Seminário foi como manter a ação sindical diante de uma política que visa a destruição dos sindicatos. “Está claro que a intenção do governo é acabar com a ação sindical e com os acordos e convenções coletivas, já que estes instrumentos estão garantindo os direitos, mesmo com a reforma trabalhista em plena vigência, analisou Proença.

CONFIRA AS IMAGENS DO SEMINÁRIO: