Sindicato do Vestuário de Sorocaba

Imagens da luta
Endereço

Rua Júlio Hanser, nº 140 – Sala 01 – Jardim Faculdade – Sorocaba/SP.  CEP:18030-320

Fone: (15) 3222•2122

         

 

Celular/Whatsapp: (15) 99119•7574

E-mail: stivestuariosor@uol.com.br

Encontre-nos

Novo desenvolvimento/atualizações: Associação Participi de Comunicação Cidadão
Profissionais responsáveis: João Andrade || Giovani Vieira Miranda

Alunos, professores e sociedade organizam resistência em Sorocaba contra novo currículo do Ensino Médio

September 27, 2016

 

O governo “não-eleito” Michel Temer, publicou uma Medida Provisória que reforma a grade curricular do ensino médio. A partir de janeiro de 2016, as escolas públicas deixarão de lecionar matérias que incentivam o aluno a refletir sobre a sociedade em que vive. Artes, educação física, sociologia e filosofia estarão fora da grade. A reforma é alvo de críticas negativas de especialistas brasileiros e internacionais. Um dos pontos mais rejeitados é a permissão para evasão, que se dará por meio do trancamento da matrícula. O contrato de professores sem concurso público e sem a necessidade de formação específica também é alvo de protestos.

 

Em Sorocaba foi criado o Movimento de Resistência ao Golpe no Ensino Médio, que realizará uma aula pública sobre o assunto nesta quinta-feira, 29, às 16h, na Praça Cel. Fernando Prestes, no centro da cidade.

 

Marketing

O governo ilegítimo de Michel Temer está usando o argumento de incentivo ao ensino integral para ganhar apoio à reforma do ensino médio. Entidades representativas de professores e alunos alertam que tal ação não passa de marketing. Para a implementação do ensino integral será preciso novos e importantes investimentos, o que contraria o PLC 241, editado pelo próprio governo Temer, que irá congelar em 20 anos os investimentos públicos em educação, saúde e outras áreas.

 

Alguns veículos de comunicação já estão contratados para este “marketing”. A Revista Veja, por exemplo, publicou capa elogiando a reforma e desconsiderando todos os seus pontos negativos. Ensino integral recebeu ênfase na matéria que ignorou o congelamento nos investimentos públicos propostos por Temer.

 

Rejeição

 O Senado abriu uma consulta para conhecer a opinião pública sobre a MP 749 que deverá se tornar lei no prazo máximo de 1 ano. Até o fechamento desta matéria 40.198 pessoas rejeitaram a Medida que recebeu apenas 1.784 votos favoráveis. Para opinar, basta acessar o link:  http://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=126992

Please reload