Pesquisa mostra que 77% reprovam proposta de Temer para Previdência

June 15, 2016

 

Vendido pelos meios de comunicação e pelo empresariado como o salvador da Pátria, o presidente interino Michel Temer vê aumentar a imagem negativa da agenda anti-popular imposta aos brasileiros. Segundo pesquisa da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e Instituto Vox Populi 77% dos entrevistados consideram a proposta de reforma da Previdência do governo interino prejudicial aos trabalhadores e aos mais pobres. 

 

A avaliação do governo de Temer é considerada negativa por 34% dos entrevistados. São 33% os que consideram o governo regular e 11% avaliam como positivo. 21% não souberam responder. O aumento na idade para aposentadoria é considerado por 77% como ruim para os brasileiros, que também não estão satisfeitos com a diminuição de ministérios (46%) e com o fato de o governo não ter mulheres no chamado alto escalão (63%). 

 

Se por um lado cresce a rejeição às medidas do governo Temer, de outro, aumenta o número de pessoas que desaprovam o impeachment da presidenta Dilma Rousseff como solução para os problemas do Brasil.  69% dos brasileiros não vêem o impeachment como a melhor saída. Os números mostram que essa posição ganhou adeptos em relação à pesquisa de abril, que registrou um percentual de 66% descrentes de que o afastamento definitivo de Dilma resolveria os problemas econômicos. Diante deste cenário de falta de perspectivas revelado pela pesquisa, a possibilidade de uma nova eleição para presidente da República, ainda neste ano, se mostra como a opção para 67% dos entrevistados. 29% não concordam com uma nova eleição e 4% não sabem ou não responderam.

Please reload

Sindicato do Vestuário de Sorocaba

Imagens da luta
Endereço

Rua Júlio Hanser, nº 140 – Sala 01 – Jardim Faculdade – Sorocaba/SP.  CEP:18030-320

Fone: (15) 3222•2122

         

 

Celular/Whatsapp: (15) 99119•7574

E-mail: stivestuariosor@uol.com.br

Encontre-nos

Novo desenvolvimento/atualizações: Associação Participi de Comunicação Cidadão
Profissionais responsáveis: João Andrade || Giovani Vieira Miranda